07/02/11

Quieta

Quieta e no silêncio é como sabe tão bem estar ultimamente. Isto para ser mais precisa desde que comecei a estudar, a minha actividade aumentou digamos que 200% em relação ao ano passado...cada vez que me vejo parada, penso, mas será que não há nada para fazer? Será que não há nenhum mail para enviar? Será que não tenho nenhum telefonema a fazer? Será que não tenho nada que estudar ... etc etc...
É que, a sensação que dá é que ainda não treinei bem em mim o estar a fazer NADA mesmo NADA para que finalmente resulte em pleno...
Sou uma preocupada nata...e parece que tenho as pessoas na minha cabeça sempre a cobrarem-me isto e aquilo...mas é tudo ficção da minha parte...não tenho que ficar preocupada quando estou parada! Certo?
E posso depreender que tenho aprendido a usufruir ( o estar quieta ) graças à azafama pois é ela que faz com que pare...e quando assim faço, acreditem, é optimo ouvir o barulho dos pássaros, sentir a brisa do vento e sol que aquece a pele...por isso eu vos digo: Gozem dos momentos parados, e se a vossa vontade assim pede, é porque realmente necessitam.

8 comentários:

Anniiee disse...

Esses momentos são otimos! Aproveita-os! ;)

Poetic GIRL disse...

Todos precisamos desses momentos mais parados para ganhar forças para o que nos espera no segundo semestre! bjs

Gonçalo disse...

São precisos os momentos de acalmia para valorizar os momentos de desafio e vice-versa. Quero-te bem :)

Beijinhos***

MARIINHA disse...

Contigências de quem trabalha e estuda. Não há tempo para nada. Sabe tão bem os poucos dias que se possa ter de verdadeiro descanso.
Aproveita sempre que puderes.

Beijinhos

Daniel Silva (Lobinho) disse...

Preocupar é ocupar antes do tempo ;9 e ter espaço para o dolce fare niente é tao importante como para a acção. E tu mereces :)

beijinhos amigos

Olhos Dourados disse...

E sabe tão bem quando podemos descansar!

CG disse...

O simples "não fazer nada", por vezes é mesmo o melhor que podemos fazer. Temos de saber aproveitar ao máximo esses momentos, que são tão raros...
Big Kisses

Rosa Carioca disse...

E como é bom, simplesmente, "curtir" o não fazer nada!
Sem culpas!
"Curta a vida, pois a vida é Curta."